Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Dia número 59 do Suplício

por tron, em 21.05.20

Hoje as dores de cabeça me massacraram e recebi uma notícia de última hora que voltar ao activo mesmo amanhã, mas manhã tenho consulta do neurologista e não posso faltar a mesma e vou a consluta e depois vejo o que vai resultar.

O meu médico não vai ficar agradado do facto de eu estar a fazer horas constantemente e vai ver os exames médicos feitos quando eu tive o problema renal e vamos ver qual vai ser o parecer dele.

Ainda vou ver se o médico não me vai mandar para casa devido a fadiga extra de estar há mais de um mês a fazer horas extras há mais de um mês e corpo em si já nota estes sinais de fadiga extremada.

Se não gostarem que eu falte por eu ir ao médico, tenho pena, primeiro está o direito à saúde e depois neste caso em particular não me podem por na rua e se me porem acciono o tribunal de trabalho e nem me vou dar ao trabalho de pedir a readmissão, vou partir mesmo para outra solução laboral porque fico com a sensação que aquele Call Center já deve estar a dar o canto do cisne e mais tarde ou mais cedo vou-me juntar a legião de desempregados e eu em parte nem me importava de voltar aos cursos do IEFP para cortar com este stress insano que tem sido este confinamento e com o stress de um emprego que fico a pensar que mais valia nem ter tido o trabalho de aceitar....

 

E foi mais um dia que parece ter sido o último de confinamento 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:34

Dia número 27 do Suplício

por tron, em 18.04.20

Mais um dia passou em teletrabalho onde trabalhei mais do que as 8 horas de turno e ainda recebi uma mensagem da minha supervisora a me relembrar que ontem era dia de folga mas nem sei o que tinha ontem porque desatei a trabalhar no back-office nem me lembrei que era a minha folga e nem peguei no livro que estava para ler.

Desta vez na minha próxima folga a ireia cumprir, lendo e talvez dando um avanço a tradução que está pendente devido ao meu retorno ao activo.

Vamos ver se a pandemia se acaba duma vez ou se entra numa fase de controlo para que uma pessoa possa sair de casa para o trabalho e deixa de estar trancada em casa, mas nem todos os países estão no mesmo nível e muitos estão a ficar num ponto descontrolado e noutros é quase um episódio da História.

Apenas sei que me sinto um pouco menos depressivo por estar a trabalhar, mas a pressão é muita para cumprir os objectivos e estou a dar o meu melhor, mas se começar a minha pipoca a fritar e eu que não sou de desistir, acabo por deitar a toalha ao chão após consultar duas ou três opiniões além da minha mulher e depois ter uma ideia formada.

Agora entrei na minha fase preferida mesmo do antes crise que era : "Vivendo cada dia na sua vez" e tentando gozar a vida confome vou podendo com os meus vícios, Leitura, café e rock n' roll.

 

 

Estou indeciso...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:05


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Links

  •  
  • Casa - Mãe